Acho que é um retorno (ou, há quanto tempo sumi daqui)

Olá, amiguinho, tudo bem? Nossa, tem muito tempo que não posto nada por aqui. Fui responder comentários hoje e percebi duas coisas: 1) sinto muitas saudades de postar no blog e dividir as receitas, opiniões e impressões com vocês; 2) muita coisa mudou na minha vida desde a última postagem.

image

Largada na #vidabandida

Desde a minha última postagem, algumas coisas mudaram bastante na minha vida. E seria absurdo dizer que essas mudanças não afetaram a minha cozinha.

Algumas mudanças foram bem positivas, como a inclusão de mais alimentos naturais no meu prato. Outras mudanças, como a foto acima entrega, dizem respeito a pequenas ~safadezas~ que vez por outra passam por aqui por casa. No entanto, a grande mudança foi com relação à frequência com que cozinho coisas novas/diferentes.

Quando fiz o blog, o propósito era justamente dividir toda a minha imersão pelo mundo da culinária, das receitas, e da relação de afeta que abraça a comida. A gente bem sabe que comida não é só uma questão de necessidade fisiológica. Eu, por exemplo, preciso me emocionar com o que eu preparo, com o que eu como, zelar pela apresentação do prato… E confesso pra vocês que, durante esse ~ano sabático~ que tirei, um dos motivos e ir deixando de postar foi a perda da emoção que me motivava.

Talvez pela própria rotina que foi tragando minhas energias ou talvez por ter dado um tempo na vida fitness hardcore, não sei ao certo, só sei que naquele momento não estava conseguindo ser espontânea. E se é pra ser forçado, não tem graça, né?!

Mas sempre que voltava aqui pra responder os comentários, a saudade batia e me prometia voltar. Coloquei até como promessa de ano novo!

E eis que hoje, calhando com meu retorno oficial à dedicação com a dieta, tinha comentário aqui e aquela luzinha voltou a se acender dentro de mim. A vontade de voltar a habitar esse espaço bateu forte! Por isso, eis-me aqui 🙂

Anúncios